Get Amazing Stories

Get great contents delivered straight to your inbox everyday, just a click away, Sign Up Now.

Avaliação Física + Por que eu estou retomando os hábitos saudáveis, mesmo?

dezembro 2, 2014

Eu já falei que engordei e tudo mais, só não dei detalhes sobre a ~situação atual~. Há cerca de duas semanas, fiz uma avaliação completa e vou compartilhar aqui. Acho que nunca tinha compartilhado esses detalhes, então acho importante. Principalmente porque quero ser o mais transparente possível com relação à minha evolução.

Eu tinha feito a mesma avaliação em agosto e a diferença é muito grande, tive a comprovação de que engordo com muita facilidade – genética, obrigada! Não vou colocar a comparação aqui porque parece que eu to chorando pelo leite derramado, sabe? Esse é um recomeço, agora é tudo do zero e não vou mais fazer comparações com o passado, vou usar essa última avaliação como base pra comparar as próximas.

avaliacao-mude-me

A relação cintura quadril serve pra indicar qual o risco de doenças cardiovasculares. Em mulheres, índice máximo é 0,8; mais do que isso já apresenta um risco maior e eu estou quase nisso.

Os  oitenta-e-três-quilos estão separadinhos aqui:

avaliacao-mude-me-2

Sinceramente, acredito que esses números não signifiquem nada perto da qualidade de vida ruim que eu adquiri largando os hábitos saudáveis. Dois dias de mudança e eu já estou com um humor melhor, dormi melhor e estou me sentindo mais disposta.

Acredito que vida saudável vá além do nosso IMC. Vida saudável é ter uma boa relação com o seu corpo, é sentir-se bem independente dos números. Não acho que as pessoas devam mudar seus hábitos por aparência, mas por qualidade de vida. Eu não estou me sentindo bem com o meu corpo, não só falando do que eu vejo no espelho, mas contando que tenho dormido mal, tenho dores nas costas constantes, vivo irritada, minha pele está terrível e tudo mais. E sei que isso vale muito mais do que uma opinião alheia. Não estou voltando pelos outros, pra que as pessoas voltem a me “elogiar” por estar magra. Estou voltando porque vai fazer bem pra mim, porque vou dormir melhor, porque minhas dores vão passar, vou poder ter um bom desempenho na corrida e participar de mais provas no ano que vem.

Não vou fazer de conta que não me importo com isso, mas também é porque eu gosto de me sentir magra, gosto de não passar perrengue pra comprar roupa, boa parte desse retorno é porque prefiro ser magra. Mas isso também é pra mim e jamais vou impor isso a alguém. Minha cabeça mudou muito nesse ano e acredito que foi uma evolução. Quem se sente bem “gordinhx” tudo bem, não vou vir com aqueles papos de saúde, porque a gente sabe que não é bem assim.

O importante é que todo mundo se sinta bem e, se você está numa fase de emagrecimento, espero que seja única e exclusivamente por você e não pelos outros.

Hoje voltei pra academia e em breve tem post aqui contando sobre como foram as “primeiras impressões” nesse retorno. Ainda estou “arrumando a casa”, mas a partir de semana que vem vou trazer conteúdo diferente, porque não quero só falar da minha rotina, quero trazer mais informação útil pra cá. Então fica de olho nos próximos posts, estou fazendo tudo com muito carinho!

Posts Relacionados:

Discussão

Deixe um Comentário